Capitalismo para crianças – BENEDITO JOSÉ ALMEIDA FALCÃO, JORNAL DA CIDADE, – TRIBUNA DO LEITOR

Einstein dizia que “se você não pode explicar algo para uma criança de 6 anos, então nem você entende aquilo.”

Pois bem… recentemente uma carta questionou que o problema do capitalismo não é seu sistema, mas as pessoas nele envolvidas, afinal, “não se pode culpar o catolicismo pelo erro de um padre”… O mesmo dizem os comunistas sobre o comunismo, mas isso não resume o porquê, igualmente, ele não funciona…

Vou demonstrar sem sofismas que o problema está sim no sistema capitalista… E vou fazê-lo (para a alegria de Einstein) com clareza, compreensível a uma criança de seis anos de idade…

Certamente quem tem mais de 40 anos já jogou ou ao menos ouviu falar do clássico jogo “Banco Imobiliário”. No início do jogo, todos os participantes recebem a mesma quantia de dinheiro (fictício) e um certo número de cartas… Enquanto existe um certo equilíbrio, todo mundo participa e se diverte… Com o tempo, alguns jogadores vão monopolizando o capital em jogo e os outros participantes acabam excluídos por absoluta impossibilidade de “sobrevivência”…

A concentração de capital chega a tal ponto que depois de algumas horas é comum que o jogo acabe porque uma única pessoa detém todas as propriedades e o “dinheiro” enquanto os outros foram “eliminados”…

E entenda que não adianta mudar os jogadores: o jogo tem essa finalidade – a da concentração de renda e propriedades… Assim também o capitalismo… Sem regras específicas que promovam a distribuição de uma renda mínima, sem um mecanismo de crescimento equilibrado e sustentável, a tendência é o esgotamento…

E esse esgotamento não ocorre porque o capitalismo “não dá certo” (como imaginava Marx)… Ao contrário – ele tende à exaurir-se justamente porque “dá certo” dentro do objetivo que tem: o monopólio e a acumulação…

O capitalismo é por princípio um sistema autofágico, e se mostrou muito mais avassalador que o previsto pelo Princípio de Pareto (80/20%)… Em 2016 chegamos ao estágio onde 1% mais rico da população mundial detinham mais riqueza que os outros 99%… Lembram do jogo “Banco Imobiliário”? É exatamente o mesmo resultado…

O austríaco Joseph Schumpter ficou conhecido como o Darwin da economia capitalista, prevendo que o modelo capitalista tende a uma “seleção natural” em que o capital se acumula nas mãos dos mais hábeis, os quais tem por missão apenas estimular o consumismo barato que proporcionará a transferência de riqueza das mãos dos mais pobres para os mais ricos…

Então, por favor, não venham me dizer que o capitalismo gera riqueza… Eu não tenho seis anos de idade!

Capitalismo para crianças – BENEDITO JOSÉ ALMEIDA FALCÃO, JORNAL DA CIDADE, – TRIBUNA DO LEITOR
Rolar para o topo