Ciro é melhor do que um tiro – DIOGO MAINARDI, EM O ANTAGONISTA

O Brasil precisa de uma boa cadeia para gente desse tipo. É preciso cassar e botar na cadeia esse maluco.”

O maluco era Jair Bolsonaro. Quem sugeriu cassá-lo e botá-lo na cadeia foi Ciro Gomes, em meados de 1993, depois que o maluco defendeu o fechamento do Congresso Nacional e a volta da ditadura.

Ciro Gomes, nesta semana, reproduziu no Twitter um retalho do Jornal do Brasil daquela época, no qual o episódio é noticiado. Em 2023, com trinta anos de atraso, Jair Bolsonaro finalmente poderá ser preso. Mas é claro que, se os brasileiros tivessem feito o que Ciro Gomes sugeriu lá atrás, cassando o mandato do maluco e botando-o na cadeia, uma calamidade teria sido evitada. É claro também que deveríamos ter ouvido seu diagnóstico certeiro sobre a saúde mental bolsonarista. Dois pontos para ele.

Concluo minha coluna na Crusoé dizendo:

Entre Lula, Jair Bolsonaro e um tiro na nuca, o tiro na nuca é incomparavelmente melhor. Ciro Gomes equivale a um tiro na nuca.

De certa maneira, ele é até preferível a um tiro na nuca.

Ciro é melhor do que um tiro – DIOGO MAINARDI, EM O ANTAGONISTA
Rolar para o topo