Com glúteos no chão, Bolsonaro descobre que não está livre de cair sozinho – JOSIAS DE SOUZA, NO UOL

Com glúteos no chão, Bolsonaro descobre que não está livre de cair sozinho

Bolsonaro considera que dispõe de uma conexão direta com o divino. Já declarou que cumpre na Presidência uma “missão divina”. Exibida involuntariamente pela estatal TV Brasil, convertida em TV do Capitão, a queda de Bolsonaro com os glúteos no chão ao final do seu discurso num encontro de vereadores pode ter sido um sinal enviado da atmosfera celeste.

Aconteceu no momento em que Bolsonaro se julga mais forte. No caso Daniel Silveira, submetido à sensação típica de quem vive aquela fração de segundo em que o sinal muda de verde para amarelo, Bolsonaro decidiu atravessar o sinal vermelho ao se autoconverter em instância revisora do Supremo. Sentindo-se invulnerável, volta a jogar as Forças Armadas contra a Justiça Eleitoral.

Em 2018, Bolsonaro chegou ao poder. Decorridos três anos e cinco meses de sua posse, ainda não se deu conta de que só faltou o governo. A lição contida na queda testemunhada pelos vereadores é singela: Ninguém está livre de cair sozinho.

Com glúteos no chão, Bolsonaro descobre que não está livre de cair sozinho – JOSIAS DE SOUZA, NO UOL
Rolar para o topo