FLAVIO BOLSONARO ZOMBA DO MINISTÉRIO PÚBLICO -JOSIAS DE SOUZA, BLOG DO JOSIAS

A esperteza dos advogados e a condescendência do Judiciário deram a Flávio Bolsonaro uma rara sensação de invulnerabilidade. O primogênito do presidente da República sente-se à vontade para escarnecer do Ministério Público.

Flávio trocou uma acareação por um encontro com Sikêra Jr., o apresentador bolsonarista. Em vez de se aborrecer num tête-à-tête com o ex-amigo Paulo Marinho, divertiu-se dançando ao som do Reggae do Maconheiro.

O Zero Um estava acompanhado do irmão Zero Três, que foi a Manaus para entrevistar Sikêra. A conversa será exibida no canal de Eduardo Bolsonaro no Youtube, no sábado. Foi ele quem puxou a coreografia.

“EL, EL, EL, TODO MACONHEIRO…”

Assim terminou a gravação do Brasil Precisa Saber com @sikerajr . Vai ao ar este sábado 18h no “canal Eduardo Bolsonaro” no youtube. Inscreva-se lá:https://t.co/IrMTWUevYG pic.twitter.com/cPjypzdEd5

— Eduardo Bolsonaro (@BolsonaroSP) September 21, 2020

Paulo Marinho compareceu à acareação, marcada há mais de um mês. “Com certeza alguém mentiu e não fui eu”, disse ele. Referia-se ao vazamento que propiciou aos Bolsonaro saber com antecedência que iria ao ventilador a movimentação bancária rachadinha do faz-tudo Fabrício Queiroz.

Abespinhado com o descaso de Flávio, o procurador da República Eduardo Santos de Oliveira Benones decidiu reportar o fato a Brasília. “…Por dever de ofício, eu devo representar ao procurador-geral da República, já que o senador tem foro privilegiado no STF. O procurador-geral da República que resolva se vai denunciá-lo ou não pelo crime de desobediência.”

No fundo, o doutor Benones já sabe qual será o destino do seu ofício. Sem vocação para procurar, Augusto Aras, o hipotético procurador-geral, deve enviar o documento para o arquivo.

Afinal, a defesa de Flávio avisara que sua agenda estaria cheia nesta segunda-feira. Não é todo dia que o primogênito tem a oportunidade de estrelar a coreografia do maconheiro. O descaso evolui rapidamente para a fase da avacalhação.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

FLAVIO BOLSONARO ZOMBA DO MINISTÉRIO PÚBLICO -JOSIAS DE SOUZA, BLOG DO JOSIAS
Rolar para o topo