HUMOR: Não existe tratamento precoce pro Bolsonarismo, dizem especialistas – RENATO TERRA, FOLHA

Um grupo de cientistas convocou uma coletiva de imprensa para fazer um alerta. “Muita gente ainda defende um governo que já se provou sem eficácia. Mas voltamos a lembrar que não existe tratamento precoce para o Bolsonarismo. O tratamento tem que ser constante com doses diárias de fatos, informações e diálogo”, garantiu Átila Submarino.

“Há muitos casos de pessoas que foram infectadas por grupos de Whatsapp e desenvolveram uma imunidade aos fatos”, lembrou o Dr. Áuzio Varella. “Alguns pacientes desenvolvem delírios graves como a adoração de torturadores, a obsessão pelo desmatamento ou a negação da Rachadinha. Outros passam a se comunicar apenas por xingamentos”, completou.

Entre os sintomas mais comuns do Bolsonarismo estão a miopia, o sangue nos olhos e dificuldade cognitiva. Em alguns casos mais agudos, como naqueles que adoram torturadores, foi notada a presença de chorume em vez de sangue.

“A boa notícia é que muita gente está se curando. Os integrantes do MBL, Joice Hasselman, Alexandre Frota, quase todo o mercado financeiro, a maioria das forças armadas”, lembrou o infectologista Clarissa GirãO

HUMOR: Não existe tratamento precoce pro Bolsonarismo, dizem especialistas – RENATO TERRA, FOLHA
Rolar para o topo