OLAVO DE CARVALHO: “ESSA EPIDEMIA SIMPLESMENTE NÃO EXISTE” – UOL

“Essa epidemia simplesmente não existe”, diz Olavo de Carvalho

Vídeo divulgado nas redes sociais

Olavo: não há mortes confirmadas

OMS: há mais de 12.000 mortos

‘Manipulação da opinião pública’

O escritor e ideólogo Olavo de Carvalho, considerado o guru intelectual do governo Jair Bolsonaro, diz em vídeo compartilhado nas redes sociais na noite de domingo (22.mar.2020), que a  pandemia do novo coronavírus não existe. Ele diz que “não tem 1 único caso confirmado de morte” pela doença.

A Organização Mundial de Saúde aponta em seu boletim mais recente quase 300 mil casos confirmados no mundo, com 12.784 mortes.

A fala de Olavo foi durante uma transmissão no canal do Youtube do Jornal Brasil Sem Medo, denominado “o maior jornal conservador do Brasil”. No vídeo, ele afirma que “o número de mortes dessa suposta epidemia [do coronavírus] não aumentou em nem 1 único caso o número habitual de mortos por gripe no mundo. Nem um único caso, gente! Essa endemia simplesmente não existe”.

A declaração vai contra o que dizem todas as principais autoridades de saúde pública no mundo. Na Itália, o sistema de saúde vive um colapso por conta do aumento do número de mortes. No Brasil, o ministro da saúde do governo Bolsonaro, Luiz Henrique Mandetta, diz que podemos ter um colapso em abril.

O escritor defende que para confirmar a morte pelo coronavírus é necessário 1 exame detalhado de cada órgão. “Você precisaria fazer o exame de cada órgão do falecido. Onde fizeram isso? Nunca fizeram nenhum!”.

O vídeo termina com Olavo dizendo o coronavírus é “a mais vasta manipulação de opinião pública que já aconteceu na história humana”. 

O vídeo completo, intitulado como “‘Histeria não é coragem!’ – Sobre o Corona e o Caos gerado”, foi excluído do Youtube por violar as diretrizes da comunidade.

Segundo informações mais recentes do Ministério da Saúde, o Brasil tem 1.546 casos de covid-19 e 25 pessoas morreram da doença.

OLAVO DE CARVALHO: “ESSA EPIDEMIA SIMPLESMENTE NÃO EXISTE” – UOL
Rolar para o topo