Para fugir do Jornal Nacional, Bolsonaro executa coreografia da empulhação – JOSIAS DE SOUZA, UOL

Para fugir do Jornal Nacional, Bolsonaro executa coreografia da empulhação

Bolsonaro gosta de fazer pose de valente. Mas sua coragem é uma qualidade que costuma fugir exatamente nos momentos em que mais deveria ser demonstrada. Em ambientes domesticados como o cercadinho do Alvorada e as lives de quinta-feira o capitão exibe, intrépido, toda sua bravura. Revela-se destemido também no escurinho das conversas privadas.

Convidado a expor suas ideias em debates francos ou sob os holofotes de um estúdio como o da TV Globo, Bolsonaro corre da luminosidade como um covarde que foge de contraditório com medo de encontrar algum fantasma escondido na claridão.

O capitão se revela um frouxo até na apresentação da rota de fuga. Em vez de declarar simplesmente que não lhe agrada a ideia de ser crivado de perguntas na bancada do Jornal Nacional, Bolsonaro se juntou ao primogênito Flávio para executar nas redes sociais a coreografia da empulhação.
Coordenador da campanha do pai, o Zero Um foi à internet para anunciar que “a entrevista de Bolsonaro ao Jornal Nacional no dia 22 está confirmada”. Era apenas mais uma fake news da família real. A emissora se negou a aceitar a condição imposta pelo presidente, que exigiu que a sabatina ocorresse no Alvorada.

A Globo já ouviu outros candidatos à reeleição no Alvorada. Mas decidiu desde 2014 que, por uma questão de isonomia, só faria entrevistas com presidenciáveis nos seus estúdios. Informado, Bolsonaro encontrou o pretexto que procurava para criar caso. Lula, Ciro Gomes e Simone Tebet já confirmaram a participação no ciclo de entrevistas da Globo.

A ausência de Bolsonaro, além de escancarar a natureza seletiva da valentia do personagem, é mais um desrespeito do candidato com o eleitorado.

  • Atualização feita às 10h52 desta sexta-feira (5): Acossado pela péssima repercussão da fuga, Bolsonaro deu meia-volta. Enviou mensagem à Globo informando que aceita comparecer ao estúdio da emissora. Alvíssaras!

Para fugir do Jornal Nacional, Bolsonaro executa coreografia da empulhação – JOSIAS DE SOUZA, UOL
Rolar para o topo