STF DEVE MANTER LIMINAR PRÓ ZERO UM – JOSIAS DE SOUZA – BLOG DO JOSIAS

O Planalto obteve nos subterrâneos do Supremo uma informação que alegrou Jair Bolsonaro. Soube-se que Dias Toffoli já dispõe de maioria para aprovar no plenário da Suprema Corte a liminar que travou processos abastecidos com dados detalhados do antigo Coaf sem autorização judicial.

Confirmando-se a novidade, a investigação que corre no Ministério Público do Rio de Janeiro contra Flávio Bolsonaro e o ‘faz-tudo’ Fabrício Queiroz será transferida do freezer, onde se encontra, para a cova.

Expedida em julho, a liminar de Toffoli atendeu a um pedido de Flávio Bolsonaro. O filho Zero Um do presidente é investigado sob a suspeita de desviar salários de funcionários de seu antigo gabinete e de lavar dinheiro.

O julgamento deve ocorrer na quarta-feira da próxima semana. De acordo com o que foi repassado ao Planalto, prevalecerá o entendimento segundo o qual órgãos como o ex-Coaf, a Receita e o Banco Central podem compartilhar apenas dados globais —nome e valores movimentados, por exemplo. Mais do que isso, só mediante autorização judicial.

STF DEVE MANTER LIMINAR PRÓ ZERO UM – JOSIAS DE SOUZA – BLOG DO JOSIAS
Rolar para o topo