TIREM SUAS CONCLUSÕES – RUY CASTRO, FOLHA

Uma técnica de persuasão mais eficaz do que a pura e simples estupidez

A Polícia Federal concluiu que o senador Flávio Bolsonaro não cometeu os crimes de lavagem de dinheiro e falsidade ideológica de que está sendo acusado pelo Ministério Público do Rio, por estranhas transações com lucros astronômicos, marotas declarações de bens, movimentações atípicas de dinheiro vivo e invejável evolução patrimonial —tudo isso para um então deputado estadual e dono de uma loja de chocolates próspera no ano inteiro, menos na Páscoa. Ao ser indagado a respeito por um repórter, o presidente Bolsonaro rugiu: “Pergunta pra Polícia Federal!”.

Típico de Bolsonaro. Fala todos os dias com os jornalistas, mas, se um deles toca em algo mais delicado ou lhe pede para explicar uma de suas próprias declarações, vocifera cala-bocas como “Chance zero!”, “Esquece!”, “Ponto final!”, “Assunto encerrado!” e “Próxima pergunta!”. Ou põe fim de vez à conversa com o incisivo “Acabou, talquêi?” e o já clássico “Pergunta pra tua mãe!” —o primeiro presidente a botar a mãe no meio das ejaculações presidenciais. Mas, no caso das acusações a Flávio Bolsonaro, ele tem razão —só a Polícia Federal consegue explicar por que o livrou. 

Já seu outro filho, o vereador Carlos Bolsonaro, usa tática mais sutil. Em suas postagens nas redes sociais, alinha os argumentos de que precisa para provar um ponto. Mas, em vez de levá-los à conclusão lógica, termina com “Tirem suas conclusões” —dando margem a que seus interlocutores cheguem exatamente à conclusão a que ele quer que cheguem, mas pensando que o fazem por conta própria.

É um coquetel retórico, combinando conceitos de persuasão de massas, técnicas de publicidade e estratégias de livros de autoajuda, tudo bem misturado e servido com uma cereja. Serve tanto para vender sabão em pó quanto para induzir um indeciso a se aproximar de um líder, converter-se a ele e pensar como ele. 

Tirem suas conclusões.

Flávio (esq.) e Carlos Bolsonaro, filhos de Jair Bolsonaro – Adriano Machado – 11.set.2019/Reuters

Ruy Castro

Jornalista e escritor, autor das biografias de Carmen Miranda, Garrincha e Nelson Rodrigues.

TIREM SUAS CONCLUSÕES – RUY CASTRO, FOLHA
Rolar para o topo